Prémio Energy Up - Vencedores 2021

A edição de 2021 contou com mais de 60 candidaturas de escolas de todo o país. Conheça os projetos vencedores:

Agrupamento de Escolas da Gafanha da Nazaré | 1º Prémio

Projeto SmartAir

Promoção da mobilidade sustentável, sensibilizando para a retoma do uso de bicicletas, através de diagnóstico à mobilidade, campanhas de sensibilização, lobby para a melhoria dos acessos para o uso de meios de locomoção não poluentes. O projeto é complementado por avaliação dos níveis de poluição atmosférica, com campanhas de sensibilização e criação de kits de medição de CO2, alimentados a energia renovável

Agrupamento de Escolas de Monserrate | 2º Prémio

Projeto Árvore Solar

Criação de um banco de jardim que permite o carregamento de dispositivos eletrónicos, com recurso à energia solar, implementado na escola, de uso livre. O projeto também contemplou a iluminação do espaço exterior durante a noite, com uma fita de led. A divulgação da criação foi assegurada pelos alunos, promovendo assim campanhas de sensibilização para as energias renováveis e consumos eficientes.

Agrupamento de Escolas Padre João Coelho Cabanita | 3º Prémio

Projeto Comunidade Energética Escolar Promoção de várias ações de sensibilização e mobilização em que promovem a transição energética e a descarbonização do parque escolar através de produção fotovoltaica em regime de autoconsumo com venda do excedente de produção à rede elétrica, com este criaram um fundo para a adoção de medidas de melhoria da eficiência energética na escola.

Agrupamento de Escolas Cardoso Lopes | 4º Prémio

Projeto O Futuro Está No Presente!Promoção de ações mais práticas de intervenção nas estruturas físicas da escola - utilização de painéis solares para aquecimento de águas dos balneários, lâmpadas LED, troca de janelas para um melhor isolamento, etc.; e de cariz teórico e/ou prático, concretizada junto da população escolar; exposição permanente sobre os ODS e o trabalho transdisciplinar com vários outputs complementares como folhetos, aplicações, análise de dados. 

Instituto Nun’Alvares | 5º Prémio

Projeto Luz Verde

Criação de um protótipo (já em uso), para integração no quadro elétrico, que permite regular automatica e remotamente a intensidade luminosa de uma sala, de acordo com um perfil pretendido (por exemplo, visualizar um filme ou estudar) conjugando a entrada de luz solar (através de estores) e regulando a intensidade da luz elétrica, resolvendo a dificuldade em ajudar uma intensidade luminosa que seja confortável e ao mesmo tempo energeticamente sustentável,

Imprimir

Partilhar: